Economia

Principais indicadores econômicos nos últimos 80 anos

Créditos: Marcos Veiga e Celina Uemura
Nos últimos 80 anos, a economia brasileira passou por um processo intenso de transformação. A população migrou do campo para a cidade e o País viveu um movimento de industrialização. Entre 1930 e 2010, o Produto Interno Bruto (PIB) em valor de mercado cresceu quase 4.500% e o número de carros saltou de 111,8 mil para 35,3 milhões. Confira abaixo a variação dos principais indicadores econômicos no período.



Do giz ao computador, Bovespa completa 120 anos

Conheça a história da negociação de ações na Bovespa, de um mundo frenético e com muito contato físico, às ordens eletrônicas
A executiva Jamile Chaim, uma operadora da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), é uma representante dos novos tempos da corretagem de ações. Não precisa gritar para fechar um negócio, não trabalha em pé o dia todo e tem colegas mulheres na profissão. Ainda são poucas, mas começam a aparecer mais, o que mostra uma grande evolução na comparação com o começo, o tempo dos “homens de bengala e chapéu”. A Bovespa comemora 120 anos nesta segunda-feira como terceira maior do mundo, atrás apenas das bolsas de Chicago (CME) e de Hong Kong em valor de mercado. A bolsa nasceu ainda no século 19, quando senhores barbados faziam pausas periódicas para o café e fechavam negócios em apenas meia hora de pregão. O ritmo de transações começou a se acelerar em meados da década de 1960, quando o governo federal reformou o sistema financeiro e criou as bases para as negociações como as conhecemos hoje.



Cores mais populares de carros no mundo

Na próxima vez em que circular de carro, repare no inevitável cenário – os veículos são predominantemente das cores prata, preto, cinza e branco. Oito em cada dez carros saem pintados das montadoras e trafegam pelas ruas brasileiras com alguma destas cores. A cor prata é a preferida de 33% dos brasileiros, seguida do preto (25%), do cinza (14%) e do branco (10%).

“Apesar de o Brasil ser um país tropical, de cores quentes e vivas, o que aconteceu desde os anos 2000 é um afunilamento da preferência por cores mais sóbrias”, diz o especialista em cores para carros Antonio Carlos de Oliveira.



As alternativas da energia

Quais são as fontes renováveis de energia e quando elas poderão substituir o petróleo e outros combustíveis fósseis.